quarta-feira, 27 de julho de 2016

Da capacidade infinita que algumas pessoas têm de nos surpreender...

Do princípio ao fim, tu conseguiste surpreender-me. Muito. Imenso. Vezes sem conta. Com coisas boas. Com coisas menos boas. E, mesmo depois do fim, continuaste a fazê-lo. 

A última coisa com que me conseguiste surpreender foi teres-me "desamigado" no Facebook. Confesso que foi o momento cómico do meu dia. Nunca pensei. Mesmo. Muito menos, ao fim deste tempo todo. Mas, naturalmente, é só mais uma das tuas coisas que eu não vou tentar perceber.

Não deixa de ser curioso que os meus três últimos exs me tenham "desamigado"/bloqueado no Facebook. Nos três casos, foram eles que fizeram asneira. Nos três casos, poderia ser eu a ter todos os motivos para os bloquear. Mas não. Nos três casos, foram eles que o fizeram.

Também nunca vou perceber. Sobretudo, porque perante esta amostra, eu não fico muito bem na fotografia: claramente, há algo de muito errado com a minha pessoa...

6 comentários:

  1. Não. Isso é mais tipico de gajo, porque nós e o nosso gigantesco ego nunca permitimos que haja algo (ou alguém) que nos lembre que falhamos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahah! Obrigada pela perspectiva masculina da coisa :)

      Eliminar
  2. Vejo aqui algumas hipóteses:

    - São uns garotos e querem magoar-te
    - Não querem magoar-te ao expor "amigas" novas nas suas páginas
    - São uns garotos porque a "amiga" nova os obrigou a isso
    - Ainda têm sentimentos por ti e querem afastar-se

    Talvez haja mais hipóteses mas assim de repente não estou a ver :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falta aí o "são uns garotos e não querem ser expostos aos meus amigos novos" :D

      Obrigada, adorei a partilha de hipóteses :)

      Eliminar
  3. Havia tanto a dizer sobre este tipo de merdices no Facebook. Enfim.
    Aliás, uma boa etiqueta era mesmo essa: "Das merdices"

    ResponderEliminar