segunda-feira, 4 de julho de 2016

Da falta de ar...

E, de repente, enquanto procurava um artigo na caixa de e-mail profissional, deparo-me com os teus e-mails. Os e-mails em que combinámos o nosso reencontro e os e-mails que trocámos depois desse reencontro...

E voltou o aperto no peito, o nó na garganta, a falta de ar e as lágrimas nos olhos...

Quando eu achava que já estavas bem arrumado no sótão e que eu estava pronta para outra, fico sem chão desta forma...

2 comentários:

  1. Em todos os avanços há sempre um momento de retrocesso para nos lembrar da distância já percorrida, servirá para te fortalecer e para teres a certeza que estás já longe do início, digo eu, com os nervos ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já estou tãooooooo forte :) Eheheheh! Obrigada :)

      Eliminar