quarta-feira, 18 de maio de 2016

Da forma como os grandes génios tomam decisões...

Olá,

Eu sou a Agridoce, tenho 32 anos e tenho uma decisão importante para tomar. O meu ex-ex enviou-me um e-mail a pedir para estarmos juntos, nem que fosse por cinco minutos, porque tem algumas coisas que gostava de me dizer e gostava de o fazer pessoalmente.

Eu tomarei a decisão de aceitar ou não estar com ele com base num destes métodos:
a) um-dó-li-tá
b) lista de prós e contras, elaborada com a BFF durante a hora de almoço, entre risos e gargalhadas

Podem pronunciar-se, se quiserem.

Obrigada.



[adenda: estamos a falar do ex-ex, não do ex, que tem servido de inspiração a muitos e variados posts...]

17 comentários:

  1. Estás resolvida com a situação do teu ex-ex?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alguma vez estamos? ;)

      (mas sim, se perguntas no sentido de saber o que quero/sinto em relação a ele)

      Eliminar
  2. Ai há gato..... cenas mal resolvidas com ex ex só vai dar mau resultado! prepara-te para tudo.
    Depois desabafa aqui.. estou curioso....

    ResponderEliminar
  3. Eu ia. Se alguém tem alguma coisa para nos dizer, acho que devemos ouvir. O que fazemos com o que ouvimos já é connosco. Mas se for para se redimir de alguma coisa, acho que sim :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E quando esse alguém não merece esse tempo de antena?...

      Eliminar
    2. Pode não merecer, mas se tem alguma coisa para te dizer, escuta. Tu podes não precisar disso, mas ele pode. E depois vais à tua vida!

      Eliminar
    3. Hum... Ok, apelaste ao meu lado mais generoso! Eheheh :)

      Eliminar
  4. Independentemente de cem, mil pessoas te dizerem que não... tu é que vais decidir. E para o escreveres aqui, também sabes que no fundo tu queres esse encontro. Agora se é com o mesmo objectivo ou expectativas que o ex... isso... logo saberás:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. No fundo, talvez saiba. Mas ainda não percebi :) E o objectivo não faço ideia qual é, o que me intriga!...

      Eliminar
  5. Podem acontecer várias coisas:
    a) ele pode ter-se tornado num traficante de orgãos e estar mesmo mesmo a precisar de vender um dos teus rins;
    b) pode ter-se lembrado de que te ofereceu qualquer coisa caríssima e, na falta de um rim para vender, aceita que lhe devolvas a dita oferta;
    c) pode estar arrependido por ter perdido uma mulher em condições e arrastar-te para um país duvidoso para te obrigar a casar e a procriar;
    d) pode estar ressabiado e agora quer cortar-te em pedaços para enviar para a tunísia;
    e) pode esperar que, depois de acabares com o segundo ex, poderás estar interessada em dar-lhe uma segunda oportunidade;
    d) ou também pode ser só um homem extremamente maduro e querer ver-te só para dizer "nunca te cheguei a dizer mas... peidas-te a dormir!".

    Há todo um rol de possibilidades.
    Eu iria, só pela curiosidade (mas, pelo sim e pelo não, num sítio público e movimentado, não vá eu ter razão :p).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E com isto também ficaste a saber que eu, claramente, não sei o alfabeto xD

      Eliminar
    2. Ahahahahah! O que eu me ri com as tuas hipóteses! E com o teu alfabeto, já agora :)

      Voto nas 4 últimas... Se eu não der notícias na próxima semana, manda procurar-me na Tunísia :)

      Eliminar
  6. Vais ficar descansada se não souberes o que ele tem para falar? Se sim, vai na mesma, se não te vai afetar não faz mal ouvires.

    Ficaste nervosa/ansiosa com o que ele te vai dizer? Então vai porque senão vais ficar a pensar no que ele teria para te dizer.

    Resumindo... vai! loool

    Exceto se ele não merecer mesmo o teu tempo por ser um grande parvo, mas não parece pela forma como "falaste".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A minha dúvida é mesmo só essa: se ele merece o meu tempo. E acho que não. Mas a curiosidade é mais forte!...

      Eliminar
  7. Bom, quem o conhece és tu.
    Não é comum escutar histórias de ex-ex ainda a querer falar...
    A curiosidade sempre matou o gato mas por vezes é pior a curiosidade ficar a matar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahah resumiste tudo na última frase :)

      Eliminar