segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Das leituras...

Dei uns dias de férias ao Kindle para voltar a ler em papel e em português.

domingo, 23 de agosto de 2015

Das coisas que a idade nos traz...

Estou de férias há uma semana e um dia. Comi uma bola de Berlim e meia.

Além de ser manifestamente pouco, destaco o pormenor da meia bola de Berlim. Em 31 anos de vida nunca antes dividira uma bola de Berlim. Bolas de Berlim não se dividem. Devoram-se como se o Mundo pudesse acabar a qualquer momento. Saboreiam-se como se fossem a melhor iguaria de sempre. Não se dividem.

Estou velha.

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Do meu estado actual...

Em modo férias. Encher o Kindle com (mais) livros, dormir sem hora para acordar, fazer as malas e seguir rumo ao Sul.

Até qualquer dia!...

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Do maravilhoso mundo laboral...

Lá no estaminé onde trabalho temos uma coisa fantástica que é a eleição do colaborador do trimestre e do colaborador do ano. Não, não trabalho no Mc Donald's. E não, na verdade não é uma eleição porque ninguém elege ninguém. Isso é nas democracias. Ali há alguém que decide, consultando, eventualmente, duas ou três pessoas. Não é exactamente uma eleição.

Mas, dizia eu, temos então esta maravilhosa iniciativa, cujo vencedor é anunciado na reunião geral de trabalhadores que é feita trimestralmente e onde se analisam os objectivos para o ano, se faz um ponto de situação dos mesmos, se partilham novos projectos e ideias.

Calhou que na última vez a colaboradora do trimestre foi... a Agridoce, pois claro! Festa! Confettis! Foguetes! Ou então não...

Para que serve este prémio? Para nada. Serviu para dar umas gargalhadas quando uma colega, que concluiu agora o seu estágio e está há pouco tempo na casa, me disse ingenuamente "pelo menos, ganhas mais algum". Pois. Ou então não. Não ganho nada. Minto. Ganho um almoço com o big boss. Fantástico, não?

Sim, eu acho que os prémios são maravilhosos e fantásticos e importantíssimos para manter a motivação. Mas prémios a sério. Não este pseudo-reconhecimento de um bom trabalho prestado. Digam o que disserem, a malta gosta mesmo é de receber mais uns euros!

Ironia da coisa? Já tinham existido outros momentos em que eu acharia que merecia o dito reconhecimento. Desta vez, e tal como tinha dito à minha chefe na reunião de avaliação semestral, tinha plenamente consciência que não andava no meu melhor rendimento, que andava desmotivada, e que tinha de me esforçar mais e melhorar no segundo semestre, para garantir o cumprimento dos objectivos. Há lá coisa melhor que receber um prémio que temos clara consciência que não merecemos?

domingo, 9 de agosto de 2015

Das coisas que me preocupam a um Domingo à noite...

A cinco dias das férias, dedico-me a encher o kindle de livros para me entreter. 

Só levo um livro em papel: vou-me estrear num Tordo. Tenho ali outro que talvez vá comigo, mas que não entra exactamente na categoria de "livros para me entreter".

Sugestões? Livros para partilhar?

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Das fotografias que dão alegria...

Qualquer dia transformo-me num daqueles blogues em que os pequenos-almoços são sempre maravilhosos e dignos de capa de revista.

Ou então não.

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Das coisas que me intrigam... - V

Que país é este em que, pelo terceiro dia consecutivo, no telejornal de um dos principais canais nacionais, o jornalista explica o que é uma selfie? É este o nosso jornalismo?

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Das coisas que me intrigam... - IV

Não consigo perceber o que leva alguém que, claramente, não domina o inglês, a insistir em escrever posts na dita língua.

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Das coisas boas...

Começar o dia com a notícia de mais um sobrinho no Mundo.