terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Do (nosso ) Teatro...



Está em cena, e estará até ao final do mês, no Teatro Nacional D. Maria II, a peça Quem tem medo de Virginia Wolf?. Para quem gosta de teatro e ainda não viu, ide ver.

Gosto muito do texto, por si só. E gosto do cenário (descobri nos últimos anos uma paixão por bons cenários). Mas gosto, sobretudo, dos actores. 

É uma peça exigente. São cerca de três horas, com apenas quatro actores em palco. Quatro actores que choram e riem. Que passam de um extremo ao outro em menos de nada. É uma peça pesada, complexa, com um humor negro fabuloso e muita coisa dita nas entrelinhas. Não é uma peça fácil, mas eles estão à altura.

Eu sou suspeita, porque gosto mesmo muito do Virgílio Castelo e já aqui o disse, mas ele está genial. Genial mesmo. Ele encarna perfeitamente o papel, consegue mudar facilmente de registo quando é preciso, e a personagem prende-nos completamente.

Quem está muito bem também, e que eu desconhecia em teatro, é a Sandra Faleiro. A verdade é que o papel a isso se presta também, mas o certo é que choramos a rir com muitas das falas, mas também nos encolhemos no lugar nos momentos mais dramáticos e de maior tensão.

Em relação à Maria João Luís, não tenho grande coisa a dizer, simplesmente por não conhecer bem o trabalho dela e por não achar que ela esteja tão excepcional como o Virgílio e a Sandra. E do Romeu Costa só posso dizer que achei uma escolha curiosa, que foi um salto enorme para a carreira dele mas... Ainda lhe falta qualquer coisa!... Creio que gostei mais dele nos Tambores na Noite.


Em suma: gostei e recomendo. Mesmo. Mesmo. Mesmo.

1 comentário: