segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

De Londres... - resumo rápido de uma semana em meia dúzia de linhas (ou não)...

Random facts:

- nunca tinha torcido o pé, tinha de ser em Londres. Tive direito a uma batata em vez de um tornozelo, uma mancha negra assustadora (que se mantém), muitas dores (que se mantêm), e uns quantos dias a não conseguir calçar mais do que sabrinas. 

- quase não bebi chá e não comi um único muffin, ao contrário do que previa. Bebi chá algumas vezes quando chegava ao hotel à noite, mas durante o dia aderi à moda de andar a passear com o copo de café/latte/cappuccino na mão. 

- não há cerveja como a nossa. A única que me seduzia era a Guiness, minha amiga de longa data.

- os transportes em Londres funcionam mesmo. Mesmo, mesmo, mesmo. Mas a quantidade infinita de escadas que uma pessoa tem descer/subir para chegar ao Metro, entrou a modos que em conflito com o meu pequeno grande tornozelo. Os autocarros, por outro lado, são o máximo e fiquei fã. 

- acabei por não ir ver nenhuma musical. O único que me parecia mesmo, mesmo bom era O Fantasma da Ópera, que eu já vi. E não me apetecia gastar 62£ para o rever. Tenho a certeza que lá hei-de voltar e aí, então, irei revê-lo. Esta semana tive mesmo de fazer opções.

- já não me lembrava do que era partilhar o quarto com uma amiga/colega. Resultado: as primeiras noites foram de conversa/fofoca/galhofa até horas impróprias...

- não me perdi por aí além com as compras. Na verdade, nem tive muito tempo para isso. A única loja de roupa onde entrei foi a Primark, por curiosidade apenas. De resto, delirei na loja da Twinings, despachei umas quantas prendas/lembranças de Natal, comprei uns chocolates daqueles que não há cá e perdi-me nos livros. Mesmo assim, só trouxe 6 ou 7 para mim e 2 para oferecer. Para mim, trouxe alguns muito específicos dos sítios que visitei, por receio de não os encontrar noutro lado. Trouxe, também, uma lista de outros que quero comprar mas que hei-de encomendar e hão-de vir parar cá a casa.

- escrevi muito. Muito mesmo. Ainda ando a organizar ideias e a seleccionar o que vem aqui parar, ou não. Mas foi bom. 

- andei a semana toda a sentir-me grão de areia, mas a isso volto mais tarde.

- quero mesmo ir viver para Londres. O que é mau. Por um lado, queria arrancar com o meu projecto no prazo de um ano. Por outro, quero ir para Londres. As duas coisas não combinam e eu vou ter que pensar seriamente sobre isto.

- podia passar dias e dias naqueles museus a olhar para aquelas obras. E também podia passar dias e dias a olhar para os esquilos nos parques da cidade.

- a primeira coisa que bebi em solo britânico foi Glühwein. Não foi por mal mas apeteceu-me e, de repente, dei comigo a recordar a viagem que fiz há exactamente três anos atrás e onde, pela primeira vez, provei glühwein em frente ao Schönbrunn. 

- eu era menina para me habituar à comida deles. A isso e ao pormenor delicioso de terem tudo o que é comida vegetariana identificada com um "V". Seja em supermercados, seja em restaurantes, seja numa sandes numa embalagem de plástico comprada a correr. Facilitou-me, e muito, a vida.

- e, por agora, chega. Hei-de pôr fotos e (muitas) mais considerações. Agora, vou acabar de desfazer as malas e esticar o meu pé, que bem precisa.


10 comentários:

  1. Welcome :)
    Posso sentir uma pontinha de inveja, posso?? Da boa...
    Que saudades de Londres......

    Kiss my dear!

    ResponderEliminar
  2. Fui uma vez a Londres, de passagem, a caminho de Brighton. Confesso que não me seduziu.

    Mas deve ser um destino para breve! Há outra pessoa que provavelmente vai querer lá ir e eu imagino-me a bater lá com os costados em Junho, com muito gosto!

    ResponderEliminar
  3. Foi uma semana em cheio, certo? ;)

    Sabes onde é que estive no feriado...? No pic nic! :) Fiquei fã!

    ResponderEliminar
  4. Amo Londres, via-me a viver lá sem dúvida! Muito sinceramente? This is the time ;) O projecto pode ser realizado em muitas outras alturas, quem sabe é mais amadurecido e bem sucedido na altura certa!

    Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  5. Dear Daisy: podes, pois :) Londres é daqueles sítios a que não me canso de voltar!

    Ted: Brighton também é uma bela terra :) Mas Londres, é Londres. Para o ano ou me mudo para lá, ou estou lá em Novembro de férias :)

    MSG: A sério??? Ahahah! Que máximo :) Pena eu não estar em Lisboa. Beijinho grande! Vou ver se te mando um mail :)

    Pipita: é o que eu penso e é o que me faz hesitar. Tenho a certeza que viria de Londres uma pessoa melhor, mas tenho medo que passe a hora do meu projecto. Vamos ver :)

    ResponderEliminar
  6. Ao ler este post parece que estou a colocar por escrito muitas das coisas que vivi na minha viagem a Londres em Outubro. Pela primeira vez tive uma intoxicação alimentar e foi logo nesta viagem. Também não bebi muito chá, o Starbucks revelou-se bem mais prático para o espírito de viagem. Sem dúvida que os transportes por Londres funcionam e bem (e quanto à escadas nem me quero lembrar o que foi subir e descer todos aqueles degraus e ainda por cima com as malas...). A loja da Twinings é sem dúvida uma verdadeira perdição (eu que o diga pois a dificuldade em guardar todas as caixas de chá que comprei na mala no regresso foi bem difícil...). E facilmente iria viver para Londres! :)

    ResponderEliminar
  7. Fiona: obrigada pela partilha ;) Londres é, sem dúvida, uma cidade muito especial! Eu também tive um sério problema com as caixas de chá... São leves mas ocupam muito espaço! Eheheh :)

    ResponderEliminar
  8. Lá está!! Leves mas relativamente espaçosas eheheh. Valeu-me a mochila da minha amiga. :)

    ResponderEliminar
  9. Sério, sério! :) Fomos logo cedo, almoçámos no pic nic (andava a salivar pelo pão de alho com aquele "creme" delicioso!!), fomos ao Palácio de Mafra, à Aldeia do José Franco, e à noite o P. foi ver o jogo do SCP enquanto eu corri tudo o que era loja no Vasco da Gama ;)

    Tenho de ver se em breve consigo ir aí passar uma tarde contigo :)

    ResponderEliminar
  10. MSG: eu devo lá ir Domingo matar saudades! Eheheh :) Temos de combinar! É quando quiseres :) Beijinho grande

    ResponderEliminar