domingo, 24 de julho de 2011

Das coisas sem sentido...

Já fiz muitas coisas ridículas, sem sentido aparente. Estar no site do IKEA a fazer uma lista de tudo o que fui comprando ao longo dos anos, é uma delas.